Pierrot, Arlequim e Colombina

Amanhã é terça-feira de Carnaval, e em meio a tanta folia novamente aparecem as já conhecidas e tradicionais personagens: Pierrot, Arlequim e Colombina. Porém diante da dúvida perante a origem dos mesmos, resolvi fazer uma pequena busca para poder aqui contar um pouco dessa estória.Pierrot (Pablo Picasso - 1918)

Pois bem, a origem remonta o século XVI, quando na Itália eram comuns grupos de teatro populares, realizando apresentações pelas ruas, tendo como repertório peças de teatro improvisadas. Esse estilo ficou conhecido como Commedia dell´Arte (Comédia da Arte), e ainda hoje existem trupes de teatro desse estilo, aqueles famosos grupos que andavam em uma charrete, e improvisavam espetáculos pelas cidades que passavam, fazendo de seu veículo o próprio palco, e de suas vidas a própria arte.

Colombina (Cris Vector)O Arlequim surgiu primeiramente com a função de divertir as pessoas durante os intervalos do espetáculo, porém foi ganhando expressão, chegando a fazer parte das estórias. No Brasil, a estória disseminada é a de que Pierrot, um apaixonado e sonhador, está perdidamente apaixonado por Colombina, uma moça simples, empregada de uma dama, e apaixonada por Arlequim.

Este é matreiro, malandro, adora travessuras, é invisível, somente é visto por idosos, damas novas de boa educação e crianças. Ou pode ser visto de relance pelas damas, quando lhes rouba um beijo, deixando Colombina enciumada, fazendo-a aprontar alguma ao Arlequim ou à moça beijada.

O Arlequim costuma dar seu coração às belas damas, que quando o comem se tornam oArlequim (Paul Cézanne - 1888/1890) próprio Arlequim. O objetivo do Pierrot é capturar esse coração, porém sempre falha devido aos intentos de Arlequim.

Esse é um breve relato sobre a estória dessas personagens tão conhecidas de nosso Carnaval. Porém vemos hoje que o sentido da arte e do romantismo se perdeu durante os anos, tornando o Carnaval uma festa banalizada e puramente comercial. A alegria dos foliões permanece, porém os objetivos de cada um são bem diferentes, e esses já conheço de outros Carnavais.

About these ads

51 Responses to “Pierrot, Arlequim e Colombina”


  1. 1 Le Pierrot Lunaire agosto 21, 2008 às 5:37 pm

    oui très triste …
    pour moi au Brésil a perdu le charme …..

    • 2 Luiza março 28, 2011 às 6:57 pm

      Querido(a) blogueiro(a), não existe estória e sim história. Tirando este detalhe, adorei as informações, vou interpretar o Arlequim em um festival da escola e quis saber mais sobre este personagem. Obrigada

      • 3 Vanessa setembro 28, 2011 às 3:40 pm

        Existe estória, que é irreal, e história, que é real.

      • 4 Gugu dos Anjos outubro 12, 2011 às 10:44 am

        Quem disse que não existe?
        Procure saber o significado dessas duas formas.
        abraços!

      • 5 Caroline Silva novembro 20, 2011 às 9:56 am

        Pessoal, a Luiza está certa: há algum tempo a gramática brasileira deixou de adotar o uso de “estória” para se referir à ficção. Agora, só usamos “história”, tanto para a ficção quanto para a história verídica.

        Sobre o tema do post: obrigada! Estava mesmo precisando saber mais da história desse trio.

      • 6 cris dezembro 29, 2011 às 6:51 pm

        vc é tão besta cara Luiza, tão ignorante…tipico de gente fracassada que participa de festivais para ver se dá pé em algo. Que comentário mais deselegante e imbecil esse deixado aqui.

      • 7 Letícia fevereiro 1, 2012 às 11:07 pm

        Na verdade, a palavra “estória” existe sim. Ela é usada para falar sobre um relato inventado, enquanto “história” é um fato real que aconteceu com você e “História” são os fatos que estudamos no colégio…

      • 8 Nanda fevereiro 4, 2012 às 7:17 pm

        Que ridícula sua colocação sobre estória ou história…. Vai fazer seu teatrinho vai…

      • 9 di kanayama fevereiro 12, 2012 às 2:27 am

        existe sim sua burra …estoria é quando é um conto ficticio……e historia são relatos reais da historia humana ..saiba portugues antes de bancar a espertona

      • 10 clickoliveira fevereiro 17, 2012 às 3:40 pm

        Querida Luiza, existe , sim, estória. O9a) blogueira(a) não errou. Está no dicionário. Esse vocábulo é comumente usado quando se fala de contos, estórias para se divertir, diferenciando-se de história (com h) que nos remete a passado, coisas que já foram. Ou seja, as duas formas estão corretas. Abraços

      • 11 marco santos fevereiro 21, 2012 às 5:53 am

        Queridos, infelizmente na gramatica atualmente foi excluida o palavra estoria que era para ficção, agora vc pode contar mentira a vontadeque ta valendo, coisa de politico.

      • 12 Nívea fevereiro 17, 2013 às 7:57 pm

        Querida Luíza, segue um link com a descrição dos dois termos, talvez lhe seja útil.

        http://lilinguaportuguesa.blogspot.com.br/2010/04/historia-e-estoria.html

      • 13 André maio 16, 2013 às 7:30 pm

        Está bem desinformada, sra. Luiza. Antes de corrigir os outros, verifique se o seu conhecimento é suficiente para isso!

      • 14 Brenda Hempel maio 23, 2013 às 11:08 pm

        Minha querida estoria existe sim, pesquise antes de ficar falando.
        .f. Narrativa de ficção; exposição romanceada de fatos puramente imaginários (distinta da história, que se baseia em documentos ou testemunhos); conto, novela, fábula: estórias de quadrinhos.

    • 15 K5 junho 3, 2011 às 5:24 pm

      No, parce qu” moi je adore la historie

      • 16 marco santos fevereiro 21, 2012 às 5:51 am

        Queridos, infelizmente na gramatica atualmente foi excluida o palavra estoria que era para ficção, agora vc pode contar mentira a vontadeque ta valendo, coisa de politico.

  2. 17 Isabelle Duarte fevereiro 3, 2009 às 6:22 pm

    boa tarde!
    preciso saber se há algum livro referente a história desses irreverentes personagens.
    Obrigada

  3. 18 Jéssica fevereiro 26, 2009 às 4:33 pm

    Aah, isso me ajudou muito no trabalho de Artes *-*

  4. 19 paulo hamilton março 23, 2009 às 12:18 pm

    Gostei do avant premiere sobre Arlequim – Pierrot- Colombina, gostaria de obter mais informações e também fotos para fazer as fantasias de um baile de mascaras.

  5. 20 lais outubro 19, 2009 às 10:08 pm

    eu queria sabar só sobre colombina e pierrot e tem falando ai sobre colombina alerquim

  6. 21 mariza fevereiro 9, 2010 às 5:35 pm

    odiei mais que coco

  7. 22 denise janeiro 22, 2011 às 10:37 pm

    pq vc eh uma idiota sem nocao…se nao tem nada pra dizer fica quieta…
    gostei do texto e parabens pelo interesse so assim alguem tem PELO MENOS UM POUCO de cultura…

  8. 23 Paulo Vitor de Oliveira fevereiro 10, 2011 às 10:10 pm

    Quem quiser montar o espetáculo: Máscaras de Menotti Del Picchia, va no site q está abaixo e vc consegue o texto.

    http://www.revista.agulha.nom.br/mpicchia04p.html

    Não sei se possui direito autoral para montá-lo
    Profeee

  9. 24 Paulo Vitor de Oliveira fevereiro 10, 2011 às 10:26 pm

    Quem quiser montar um espetáculo teatral com esses personagens, é o texto “Máscaras” de Menotti Del Picchia. Vá no site q está abaixo e vc consegue o texto.

    http://www.revista.agulha.nom.br/mpicchia04p.html

    Não sei se possui direito autoral para montá-lo
    Profeee

  10. 25 Carolina fevereiro 27, 2011 às 9:27 pm

    Me ajudou muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito no trabalho de artes HOHO :D

  11. 26 Pedro março 7, 2011 às 5:38 pm

    Já saindo do assunto um pouco:

    Denise,a opinião de mariza é dela,comentários não devem ser apenas elogiando o artigo,se ela não gostou de obra,paciência.

    Voltando ao assunto:

    Essa é sem duvida,uma das melhores histórias que eu já ouvi falar/li/vi na vida,seria como uns dos originais de todo um gênero de romance(podemos ver que depois dessa,e até antes houveram mais histórias assim,algumas um tanto genéricas).

    Agora fiquei com uma vontade imensa de achar o livro contando a história completa(se é que existe).

  12. 27 Pedro março 7, 2011 às 5:40 pm

    P.S:

    Nunca tive um trabalho de artes sobre isso….T3T

  13. 28 Gbariela março 9, 2011 às 10:51 am

    Tenho que fazer um trabalho da escola com essas imformações o site é bem legal mas o relato da história ñ tá muito bom só palavrs sem gosto,seria mas acessado se muda-se um pouco para acão,terror,trama,romance etc…Seria mas acessado se fosse assim então por isso eu ñ vou tirar meu tralho aqui hoje mas vms ver uma próxima.

  14. 29 Gbariela março 9, 2011 às 10:52 am

    Tenho que fazer um trabalho da escola com essas imformações o site é bem legal mas o relato da história ñ tá muito bom só palavrs sem gosto,seria mas acessado se muda-se um pouco para acão,terror,trama,romance etc…Então por esses motivos eu ñ vou tirar meu trabalho aqui hoje,mas vms ver uma próxima.

  15. 30 K5 junho 3, 2011 às 5:23 pm

    Salut!Por moi trés important parce que me ajudou nos devoir.
    Merci Beocup.

  16. 31 Alexsander julho 3, 2011 às 8:11 pm

    A Luiz (segunda “bostadora”) está equivocada. Existe estória,sim e essa do trio carnavalesco é uma estória e não história.
    Estória são ficções, contos imaginários, lendas inventadas, folclore.

    Ah Luiza, vai estudar um bucadinho antes de dar pitaco nos colegas, ô!

  17. 33 Andrei Meurer agosto 24, 2011 às 6:33 pm

    ALexsander, “estória” caiu em desuso há algum tempo. Originalmente é como você explicou, mas hoje em dia, tanto história ficcional, quanto a história ciência são escritas da mesma forma.

  18. 35 beatriz fevereiro 10, 2012 às 2:16 pm

    eu nao queria saber disso eu queria saber qual era o conto de pierrot e colombina e essa porcaria nao me ajudou em nada

  19. 36 Ricardo fevereiro 12, 2012 às 12:53 pm

    Ficção pode ser História ou estória, mas a realidade é obrigatório ser História, esta é a gramática atualizada hoje.

  20. 37 juliana fevereiro 13, 2012 às 9:51 pm

    me ajudou na pesquisa de portugues .-.

  21. 38 tatiane fevereiro 14, 2012 às 8:19 pm

    é muito bom isso par as pessos do mundo

  22. 39 beatris fevereiro 14, 2012 às 9:09 pm

    olha eu entrei nesse site para ver uma historia para fazer um trabalho mais o que vi nesse blog foram barbaridades pois existe as duas palavras estoria e historia mais nao vejo pq isso deveria ser motivo de discurçao e ofensas e prestem a tençao vcs que ficam ofendendo as pessoas sao recalcados pois cada um tem direito de expressar sua opiniao sincera e escrever com respeito o comentari que quiser em um blog ok entao deixem de serem recalcados e baixo nivel e repeitem as pessoas .Isso é um indireta para vc cris pois seela nao sabia que existia a palavra estoria o problema é dela e nao seu ok.

  23. 40 MPN fevereiro 15, 2012 às 1:51 pm

    O que me choca em tudo isso é que, por causa de uma pessoa que deve ser jovem (e por isso não sabia da existência da palavras “estória” que, sim, foi tirada de nossa gramática), uma saraivada de insultos foi proferida.
    O que importa nesta história toda, ou estória, são as informações sobre Pierrot, Arlequim e Colombina.
    Fora uns poucos, não vi quase nenhum comentário sobre o assunto do blog.
    Ficam dois conselhos, de alguém que ouviu estórias e aprendeu histórias:
    1. O interesse dos blogs é seu conteúdo. Se está mal escrito ou não… não importa. Blogs não foram feitos para ensinar gramática mas para expressar sentimentos e opiniões de quem os escreve.
    2. Criticar e/ou ofender alguém publicamente, atrás de pseudônimos, é no mínimo um ato de extrema falta de educação.

    Este mundo já está tão cheio de problemas, desrespeitos. Por que repetir algo que tanto abominamos? Agora, um resumo da história para quem quer conhecer, que achei na internet:

    “Pierrôt e Colombina cresceram juntos e eram muito amigos. Pierrôt se tornou padeiro e fasia pães e doces para alegrar a vida dos habitantes de sua cidadesinha e o coração de sua amada. Ele não tinha coragem de se declarar para Colombina pois ele era muito tímido, ele costumava escrever longas cartas de amor para sua amada porêm não tinha coragem de enviá-las.
    Um belo dia de verão aparece na cidade um alegre trovador chamado Arlequim, ele encanta a todos com suas histórias e canções. Colombina é seduzida e se apaixona por ele, ela o segue deixando sua cidade e seu amigo Pierrôt que fica muito triste e deprimido.
    Chega o inverno, e com ele dificuldades para a sobrevivência, Arlequim e Colombina sofrem muito, a moça sofre muito. Em uma noite de inverno, ao contemplar a lua, a moça relembra seu amigo Pierrôt e encontra uma carta com uma declaração de amor, ela fica emocionada e foge para retornar para sua pequena cidade e rever Pierrôt.
    Os dois amigos se reencontram e vivem muito felizes juntos. Arlequim, com saudades de Colombina também retorna e para permanecer perto de sua amada fica amigo de Pierrôt. Assim os três amigos vivem felizes para sempre em meio aos pães e doces deliciosos feitos por Pierrôt.”

    Sobre os personagens:
    Colombina – jovem apaixonada que irá descobrir seu amor verdadeiro
    Pierrôt – é o amor puro e verdadeiro que sabe esperar o retorno de sua amada. O amor sofre em silêncio porém vence sempre.
    Arlequim – é a paixão que chega repentinamente e arraza corações. A paixão é passageira e perde seu encanto quando os problemas de relacionamento chegam.
    Fonte(s):
    TOURNIER, Michel. Pierrot ou les secrets de la nuit. In: Sept contes. ed. Gallimar: França. 1990

  24. 41 Thais the Sousa fevereiro 16, 2012 às 8:55 pm

    Nossa me ajudou muito na lição de artes .
    E existe sim a palavra estórias.

  25. 43 zilda junho 15, 2012 às 11:27 am

    gostei do texto

  26. 45 Caio fevereiro 27, 2013 às 8:28 pm

    A definição de Letícia esta simples e com certeza correta

  27. 46 edmea rabinovitch setembro 25, 2013 às 4:45 pm

    Leiam “A morte de Pierrot”, de Julio Cesar da Silva, escrito em 1915.

  28. 47 kathllen silva novembro 2, 2013 às 11:31 pm

    acho uma falta de educação fica criticando as pessoas quando o espaço é para comentar sobre o texto.
    #fica-a-dica

  29. 48 Alexssandra fevereiro 22, 2014 às 12:11 pm

    gostei me ajudou bastante na apresentação de Artes.

  30. 49 milena cemin fevereiro 27, 2014 às 12:44 am

    obrigada blogueiro você me ajudou bastante para a minha pesquisa sobre carnaval

  31. 50 fábio neto março 8, 2014 às 8:02 pm

    está me ajudando

  32. 51 IAGO SILVA março 11, 2014 às 11:47 am

    GOSTEI MUITO


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: