Livros que li em 2007

LiteraturaPois bem amigos, 2007 não foi um ano muito produtivo para a leitura, ou melhor, para a literatura em si. Como último ano de minha faculdade, as atenções estavam voltadas para a tão temida “monografia”. Que por sinal não a temia, mas a vontade de fazer algo bem feito me tomou muito tempo, fazendo com que a literatura ficasse de lado.

Vou aqui elencar alguns títulos que consegui ler no ano passado, a com o passar dos dias irei comentar sobre cada um. Deixe-me ver se lembro:

Grande Sertão Veredas (João Guimarães Rosa), O livreiro de Cabul (Asne Seierstad), Eu sou o livreiro de Cabul (Shah Muhammad Rais), Mulheres de Cabul (Harriet Logan), Memórias Póstumas de Brás Cubas (Machado de Assis), Crônica da Casa Assassinada (Lucio Cardoso), El Túnel (Ernesto Sábato), Memórias de minhas putas tristes (Gabriel García Márquez), Formação Econômica do Brasil (Celso Furtado).

Bom, sei que deve estar faltando alguma coisa, mas os que lembro são esses. Como podem perceber, me fascinei pela temática afegã, uma vez já despertada através do O Caçador de Pipas, no entanto me envolvi um pouco mais, lendo os três titulos relacionados acima.

Crônica da Casa Assassinada também foi um ótimo titulo, recomendado pela minha ex-professora de Espanhol, muito boa leitura, daquelas que te prende e você não consegue parar de ler. Um romance com toque de suspense e idas e vindas na estória.

Como melhor leitura, destaco Grande Sertão Veredas sem dúvidas. Nunca tinha lido essa beleza de obra, porém sempre tive vontade, a matei em meu anivérsario, quando o ganhei. Ficou guardado até as férias de julho, quando então pude conhecer a riqueza do vocabulário e dos costumes nordestinos da época, expressos detalhadamente por Guimarães Rosa.

É isso, em breve comento mais alguns, e solto a lista dos livros que estão na estante esperando leitura. Ah, o marcador de livros hoje está em A menina que roubava livros (Markus Zusak).

Anúncios

1 Response to “Livros que li em 2007”


  1. 1 RD fevereiro 8, 2008 às 12:44 pm

    Uma boa leitura é que da um embasamento para uma boa escrita, assim como a formação cultural e intelectual de qualquer indivíduo também.
    Como seriamos mais felizes se dispuséssemos mais tempo para a leitura, aguçaria a nossa criatividade e o senso crítico.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: